Apps

Ministro alerta: tirar print do Snapchat sem aviso é crime



O ministro da Cultura britânico, Ed Vaizey, fez um alerta aos espertinhos que tiram capturas de tela de posts recebidos pelo Snapchat: se feita sem consentimento de quem enviou o post, a prática constitui crime no país.

O Snapchat permite que as pessoas troquem conteúdo efêmero, então há quem a use para enviar materiais sensíveis. Por isso, sempre que o destinatário tira print da tela o remetente recebe um alerta. Só que o aviso é o máximo que a rede pode fazer.

Por isso o ministro resolveu passar a informação. “Sob a legislação do Reino Unido, seria contra a lei um usuário do Snapchat copiar uma imagem e torná-la pública sem o consentimento do dono da imagem”, explicou ele, em carta repercutida pelo Independent.

Fora a questão de direitos autorais, que tem gerado penas de até seis meses de prisão e multas que chegam a 50 mil libras, pode haver o agravante de se estar divulgando conteúdo sexual privado. Neste caso, a pena de prisão aumenta para dois anos.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.